Alergias: quando é a hora certa para trocar o colchão?

Alergias: quando é a hora certa para trocar o colchão?

Muita gente não sabe, mas o colchão tem prazo de validade sim e deve ser trocado no período correto. Isso porque além de ácaros e sujeira, dormir em um colchão muito velho pode trazer diversos prejuízos à saúde. 

Durante o verão, com as mudanças de temperatura os ácaros presentes na poeira ficam flutuando sob o colchão e compromete a respiração nasal, o que pode levar a uma sinusite, laringite e outras alergias. Não adianta, por mais cuidadoso que você seja com a higiene, os ácaros irão habitar o seu colchão. Um verdadeiro  incômodo que afeta principalmente quem sofre com asma ou rinite alérgica.

Em geral, o ácaro fica retido entre as fibras do colchão, não em sua superfície. O que provoca a alergia é o animal morto que se solta das fibras e elimina bolotas fecais extremamente alergizantes. Quando a pessoa se senta ou se deita na cama, é como se pulverizasse essas substâncias para o ar, que voltam a cair e são inaladas.

O que fazer
A durabilidade dos colchões varia de acordo com o material de fabricação, a maioria tem validade entre dois a cinco anos. Alguns tecidos quando em contato com a pele podem causar irritações. Ácaros, mofo e à umidade causada pela transpiração podem levar a dermatoses alérgicas ou até mesmo infecciosas. Por isso é tão importante à troca frequente de colchões e travesseiros domésticos, principalmente para os alérgicos.

Ainda não tem plano?

Preencha os campos e receba uma proposta sem compromisso.

Notícias