Dieta da mamãe

Dieta da mamãe

A alimentação está relacionada diretamente com o desenvolvimento do bebê e com a manutenção da saúde da mãe. Fique atenta a sua alimentação na gestação e durante o aleitamento materno.

• Escolher um tipo de carboidrato em cada refeição (arroz, macarrão, batata, pão, mandioca ou cuscuz);

• Escolher um tipo de proteína no almoço e no jantar (1 unidade de carne, frango, peixe ou ovo) optando sempre pelos cortes menos gordurosos;

• Consumir em média três porções de leite e/ou derivados ao dia;

• Consumir em média 3 a 4 unidades de fruta ao dia;

• Inserir saladas cruas e cozidas na alimentação;

• Beber em média 2 litros de água filtrada e/ou trata por dia;

• Consumir gorduras saudáveis: abacate, castanha, azeite e peixes como salmão, que contém alto teor de ômega 3, benéfico para o desenvolvimento neurológico e cognitivo do bebê.

O que devo evitar:

• Adoçantes artificiais (ex: aspartame, acesulfame, ciclamato de sódio, sacarina);

• Cafeína, chocolates, refrigerantes e chás em geral;

• Bebidas alcoólicas e cigarros/drogas;

• Uso excessivo de sal, alimentos gordurosos e doces concentrados;

• Não consumir leite e derivados junto com suplementos que contenham ferro;

• Não consumi sushi, pois as gestantes estão mais suscetíveis a contaminações;

• Não consumir salada crua em local que não saiba como foi feita a limpeza das verduras;

• Evitar alimentos ricos em enxofre (feijões, brócolis, couve-flor, couve manteiga, rabanete, repolho, espinafre), pois causam gases e trazem desconforto;

• Evitar todos os alimentos que causem alergia a você;

• Evitar o consumo de cebola e alho em excesso, pois estes alimentos alteram o sabor do leite.

Ainda não tem plano?

Preencha os campos e receba uma proposta sem compromisso.

Notícias